segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Falta muito para janeiro?



Eu adoro o mês de dezembro e tudo o que ele traz.

O meu aniversário, logo no início. Mas todos os anos é o mesmo dilema: faço festa? Não faço? Como? Onde? Quem convido? Quero assim? Quero assado?

-Depois vem o Natal que eu também adoro e tudo o que ele representa. Mas todos os anos é o mesmo stress: tenho de comprar as prendas para toda a gente, tenho de fazer 300km e carregar as benditas prendas, tenho de apanhar um frio desgraçado, tenho de tratar de toda a logística necessária para que haja uma consoada em condições e voltar a fazer os 300km de volta a casa quando só me apetecia ficar alapada no sofá a ver repetições de filmes de Natal.

-E quando penso que finalmente posso suspirar de alívio e dar por encerrada a época festiva e não ter de pensar em mais nada... vem a contagem decrescente para a passagem de ano. E eu não gosto nem desgosto da passagem de ano. É-me indiferente. Mas todos os anos é o mesmo stress: O que é que vamos fazer? Onde? Com quem?

E às tantas dou por mim numa contagem decrescente para que dezembro (e tudo o que ele traz) termine...

2 comentários:

siceramente disse...

Janeiro traz o frio! :S :S

Layanne Eduarda disse...

é desgastante mesmo, para todos acho, f]comprar presentes, preparar algo para o jantar e outras coisitas, ufa, cansa!