sexta-feira, 11 de janeiro de 2008

Não sei como me aguentas!


De7 dias da semana passo 6 com neuras e dramas existenciais, e guardo apenas um para boa vibe, guinchos, piadolas ordinárias e observações pertinentes sobre o que nos rodeia. E por ti, faça chuva ou faça sol cá p'rós meus lados, não te cansas dos meus excessos...

Das 300 mensagens que trocamos durante o dia, 250 são para fazer cusquices e lamúrias basicamente por 2 grandes motivos: tudo e nada. Coisas de facto relevantes e que incomodariam qualquer um, como comer de boca aberta, lamber a faca e tirar King Kongs em plena fila de trânsito, uma unha que com uma camada de Renda e outra de Paris não ficou como eu queria, ou um 2º Beija-mão que foi à vida.... E tu ainda me consolas e dás importância como se de facto uma fatalidade tivesse ocorrido!

Queixo-me porque desde sempre sou magra e tenho dois caniços no lugar das pernas que não me permitem usar aqueles calções giros que vimos na zara. Queixo-me porque de repente engordei uns quilos a mais e vejo-me vítima do efeito "muffin" com o qual não estou habituada! E tu, que és saudável, andas no ginásio, fazes pilates e spinning até deixares de ter pulmões e praticamente não sentires os cotos, dizes sempre: "Tá calada! Estás óptima! Come mais uma trança de chocolate, mazé!"

O meu namorado tem uma piquena ciumite de ti porque acha que contigo estou sempre feliz e bem disposta, inclusive me transformo ligeiramente e tenho acessos de loucura! (A parte dos acessos de loucura ambas sabemos que é verdade....mas bolas..é inevitável!)... Agora se sou mais feliz ao teu lado...não sei, tu fazes-me Feliz e ponto. Sem termos de comparação...

Eu adoro o Inverno, favas com chouriço, leite morno com cereais ou nesquick, chá noite tranquila e acredito piamente que o croissant simples é, sempre foi e será, um Doce!... Tu não só abominas os itens referidos, como fazes rezas diárias pela chegada do Verão, adoras queijo da serra, leite frio e com café, comes o queijo da minha salada e eu como as tuas azeitonas (isto não soa lá muito bem mas é verdade!), e estás toda contente porque na Torradinha puseram os croissants junto com os pães de chouriço, empadas e afins, o que faz dele oficialmente um Salgado!

"Fumamos", cada uma em sua casa, todos os episódios de Anatomia de Grey e agora também Clínica Privada, e compeltamente coladas ao ecrã, ficamos divididas entre enviar sms em tempo real, com comentários sobre uma ou outra frase, ou simplesmente morrer para o telemovel e só no fim, quando passa o genérico da Clínica, trocarmos as devidas impressões, com direito a identificarmo-nos (ou não!) com as personagens, e reflectirmos sobre o nosso grande drama: Mcdreammy, porque não estás tu de plantão ali em S. José??!!

Criamos cenários idílicos de viagens, lugares e pessoas que nos são tão próximas, como o Justinho e o Orlando..por exemplo... E, como que voltando aos sweet sixteen, imaginamo-nos felizes e reinadias, comendo caldo verde com chouriça, em qualquer baile de Verão do interior, ao som desse grande senhor que é o Zé Malhoa, e a banda sonora de nossas vidas: "Aperta com Ela"...dançando com Justinho e Orlando em plena pista...e no fim da festa vermos os fudetes, perdão, foguetes! Pum...Pum... (Para quem não sabe a quem me refiro, esclareço: Sim, o Justinho é o Justin Timberlake, e o Orlando é o Orlando Bloom... não tecer comentários, por favor.)

Temos um Tico e Teco, cada um seu par deles, que são primos, e se comunicam através de uma tecnologia avançadíssima que se usa muito lá fora, e que consiste basicamente no uso de tachos na cabeça, ligados por cordões e com copos de yogurte nas pontas. E quando querem chamar a atenção uns aos outros batem com colheres de pau na cabeça até ficarem atordoados de todo. Estão sempre em sintonia e os teus gostam especialmente de comer massa e dançar can can a horas tardias. Os meus têm problemas de dicção: Tico não diz os "L" e Teco não diz os "R", e têm fixação por capacetes... que usam por cima dos tachos, como é óbvio. Os preferidos são os da construção civil e os de futebol americano. Fazem tudo com eles...inclusive comer massa com os primos e dançar o YMCA.

Temos nomes de código, tu és Creuza e eu Juraci. Falamos brasileiro, alto e bom som em qualquer lugar onde vamos, inclusive fazemos pedidos aos empregados que são, de facto, brasileiros, e que, ainda que nosso sotaque seja perfeito e digno de aplausos, acredito que se questionem de que estado seremos nós do país. Ao que nós responderiamos prontamente: " Êtaa minino, a gentxi somo dxi Guarinipará, no interior de Floritxicaráparu! Cê num conheci não?? Pô! Fala sério...!"

E é isso aí... num sei como tu me atura não, Creuza... tem dxia qui nem eu tô podendo mi aguentá! Muita pressão...fala sério! Mas aí vem você com seu jeitxinho desligado, dona do pedaço e falando qui tá nem aí pro meu mau humor...e eu fico tranquila, poderosa e goxtosa como só a gentxi sabe sê!!

Txi amuuu ô pôposuda! Saudadxi dxi ocê!

6 comentários:

Mikitas disse...

Linda história de amor. O quanto que gostava de ter uma amiga assim...

Fifs disse...

Pô Juraci cê mi atura também! Quando tô bem deprê vou em sua casa cumê bolo dxi Fubá ta ligada? Sei não como seria minhá vida sem você, não, viu? Aí meus Txico e Teco ficavem bem sozinhos sem ng pra dançá forró! Êta qui somo dxiferentxi mais a gentxi si completa viu! Manda vir mais 200 anos dxi mau humor e queixinha tá?

kel disse...

E a amizade verdadeira é o quê, pô?! Like u both... just the way u are ;) Beijões

Perola Luna disse...

Fiquei com inveja!!!
Por isso eh que quero voltar urgente a Lisboa para o peh das minhas amigas do coraçao...

Beijinhos para as 2 e que dure e dure mais 200 anos!!

fafa disse...

Não sei como fazes mas Picola guerreira, tás a escrever BEEEEEMMM! Um orgulho ,ler-te , a sério !!
A descriçãO DO REIKI ESTÁ FABULOSA,
és um must , isto vai correr bem...... cheira-me HUm HUM.
Teres uma amiga "assim " é óptimo, reconforta qualquer alma, espero que dure a vida inteira. Eu tenho uma especial há 35 anos e é GREAT!!beijos da FAFA

Ana Raquel disse...

LOOOLLLLLL, caí aqui de paraquedas mas ri-me à grande com aquilo que escreveste..
isso sim, verdadeira amizade!