sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Da vida a dois


Ninguém disse que é um mar de rosas. E nem de surpresas, de prendas, de mimos vários e inesperados a vida a dois é feita. Há dias em que não há nada disso. E há tarefas, deveres e obrigações, ou situações que não são obrigação nenhuma, mas que a minha mania do perfeccionismo fazem com que aos seus olhos pareça que tudo o que faço é por obrigação. Não é. É querer dar o meu melhor, querer que tudo seja perfeito, sem falhas, sem nada, absolutamente nada a apontar. É querer agradar até à última escala, porque é importante para ele, para mim. Porque ele merece, porque eu quero que ele perceba que me esforço para lhe dar tudo o que me dá a mim, da maneira que posso, e que é diferente da maneira dele.
Há dias em que falamos pouco. Porque já falámos demais. E a partir daí tudo o que dizemos simplesmente é mal interpretado e cai mal, e magoa. Por isso escolhe-se o silêncio. E se por um lado aquilo que já construímos faz com que esse silêncio não seja incómodo, por outro lado faz-me falta a conversa constante, as gargalhadas e o som da sua voz sempre alegre.
Há dias em que o vejo a dormir, deitado no sofá, num sono tão profundo como aquele em que está agora, e sinto uma certeza inabalável de que, mesmo em silêncio, estamos juntos, unidos mais do que nunca, somos um e não dois. E percebo que até posso saber umas coisas da vida, mas tudo isto é uma novidade para mim e que de vez em quando tenho quebras de energia, aquela que antes era só para um, e agora, mesmo sem eu dar por isso, é para dois em forma de um.
Ninguém disse que era um mar de rosas, mas tem sido o melhor mergulho da minha vida.

3 comentários:

geek in the pink disse...

Identifiquei-me com esta descrição...
beijinhoa :)

Pips disse...

geek in pink: adorei o teu blog!!! Vou passar por lá muitas, muitas vezes! Beijinhos!

geek in the pink disse...

Fico muito contente! :) Se calhar nunca te tinha comentado, mas já te leio, há tanto, tanto tempo! é muito agradável quando alguém por trás de um blog de quem gosto, também gosta do meu! :)
beijoquinhas